Bem sabemos que Cuba é um dos páises mais misteriosos do mundo.Dizem que é mais fácil para um brasilerio saber sobre o paradeiro de Fidel , do que os próprios cubanos que vivem na ilha.Sabemos também que a liberdade de imprensa bem com o acesso à informação é muito restrito e censurado.Mas felizmente, sabemos também que a informação como um bem intangível não está limitada às barreiras sejam elas geográficas , políticas ou econômicas.Foi seguindo este pensamento e correndo o risco de sofrer as mais duras retaliações políticas que
Yoani Sánchez criou o blog “Generacion Y” ( http://desdecuba.com/generaciony_pt/) ou “Geração Y ” em português.Atualizado muitas vezes quando a blogueira se passa por estrangeira e acessa a internet em hotéis de luxo,  o blog segue retratando o cotidiano da ilha através de um olhar muitas vezes não retratado pelas câmeras da imprensa local.Traduzido para várias línguas(onze ao todo) – entre elas o português-   o blog tem visitantes de várias partes do mundo.Até hoje conseguiu passar ileso aos olhos do governo castrista, proeza que não se pode esperar por muito tempo.

Isto corrobora o papel  que as novas tecnologias da web vêm desempenhando para o acesso à informação.Barreiras que outrora impediam tal acesso, agora começam pouco a pouco a serem fragmentadas.Isso com certeza é uma boa notícia para um simples estudante de  Biblioteconomia.

Fonte: Blog da Cultura

Anúncios