A Escola de Ciência da Informação da UFMG, na qual estudo, tem uma empresa júnior que presta serviços de consultoria para grandes empresas de Minas, entre elas a CEMIG.

Pois bem.Há cerca de dois dias atrás conversando com a presidente da empresa júnior, que aliás hoje está empregada graças à empresa, a mesma confessou-me que a CGI Jr., que já tem dez anos de mercado e que juntamente com outras empresas Jr. de cursos diversos da UFMG formam uma comunidade, está preste a fechar as portas.

Não há aqui a intenção de irresponsavelmente culpar ninguém.O que lamento, como faço neste momento, é o fato de que uma iniciativa que já foi orgulho da escola esteja a ponto de encerrar suas atividades, não por falta de clientes , mas por falta de alunos interessados.

Como sempre tive interesse em participar da empresa,mas não o fiz por trilhar caminhos mais tortuosos – dos quais nem sei se valeriam a pena trilhar novamente – me ofereci, juntamente com uma outra amiga minha, para participar da empresa júnior numa tentativa de contribuir para que o pior não acontecesse.

Temos boas idéias e espero que outros estudantes participem das entrevistas para seleção de novos membros.A ECI, às vezes conhecida por seu ar fúnebre, não pode se deixar levar pelos desânimos de alguns que deveriam, na verdade, levantar sua alto-estima.

Anúncios